Buscar
  • marcelabrum81

Por que meditamos?

Esses dias uma cliente disse que gostaria de meditar como os filhos dela meditam. Falou ela: "Marcela! Eles estão adorando fazer a meditação que você sugeriu! Quando eu esqueço eles me lembram! Queria ser assim também!". Uma boa hipótese do porque os filhos dela estão gostando tanto de meditar e já incorporaram isso na rotina é porque eles simplesmente fazem a prática sem nenhuma expectativa, sem esperar que nada grandioso aconteça. Eles apenas se abrem a experiência de estar presente, ao contrário de nós adultos que sempre esperamos um resultado, sempre queremos algo rápido e milagroso que resolva nossos problemas IMEDIATAMENTE! E claro, isso não acontece com a meditação. Ela não é como um Rivotril da vida que vai nos acalmar quase que instantaneamente... Na verdade ela pode até num primeiro momento nos dar a sensação que o desconforto aumentou a medida que nos faz olhar para dentro. Mas é importante percebermos que aquela sensação já estava ali, nós apenas não prestavamos atenção nela. Então agora me diga como podemos cuidar de algo que nem sabemos que existe ou da onde vem? Impossível, né? Por isso a minha dica para quem quer aprender a meditar e incorpora-la na sua rotina de vida é: Não espere nada! Apenas encare esse momento como um presente que você está dando a você mesmo, um presente chamado: presença! Esteja apenas com você por alguns minutos, perceba! TU-DO! Quem sabe assim um dia você poderá conseguir fazer o que crianças bem pequenas fazem naturalmente 😌


0 visualização