icon-fundo-transparente.gif
Buscar
  • Marcela Brum

Regrinha básica: Coma quando estiver com fome, NÃO coma quando não estiver com fome. Parece simples né? Mas não é… Principalmente para mulheres que já passaram por inúmeras dietas (difícil é encontrar uma que não tenha esse passado).Muitas pessoas estão tão acostumadas a ignorar a fome que nem a percebem mais e quando se dão conta já estão famintas! E claro isso faz com que comam demais. Por isso é inteligente manter seu corpo alimentado.


💬 Para quem percebe que nunca sente fome uma boa dica é não passar mais de 5 horas sem comer e ao mesmo tempo estar mais presente as sensações que se apresentam. Muitas vezes a fome está aí você só precisa ouvi-la e honrá-la! E pra quem sente fome o tempo todo?


💬 Bom… aí a dica é se aproximar de você mesmo e perceber seus pensamentos e sentimentos… Será que é fome mesmo? Ou é uma tristeza? Ou uma preocupação? Falaremos mais disso no princípio 7 mas, por hora, basta que você traga para a consciência o que de fato precisa já que a única coisa que comida realmente resolve é fome física! Também pode ser sede, é inteligente beber um copo d’água e verificar como seu corpo fica.


💬 Nota: tentar não passar mais que 5 horas sem comer é apenas uma estratégia temporária até você estar mais conectada às suas sensações e é bemmmm diferente da fatídica dieta de comer de 3 em 3 horas que faz com que você obedeça mais um relógio do que seu corpo.

8 visualizaçõesEscreva um comentário
  • Marcela Brum

Esse é o primeiro princípio do comer intuitivo e isso não é à toa! É praticamente impossível comer de maneira intuitiva e se reconectar com o seu corpo estando em uma dieta! Estudos mostram que dietas desregulam as sensações de fome e saciedade e aumentam os episódios de “comer emocional” o que vamos combinar é a matemática perfeita para o ganho de peso!


🌻 É sempre bom lembrar que, segundo a OMS, 95 % das pessoas que fazem dietas voltam a engordar tudo que perderam e muitas vezes até mais num curto período de tempo. Dá pra dizer que 95 % da população não tem foco, força e fé? 95% da população são de pessoas fracassadas? Não né?! Entenda que na sensação de “fracasso” toda vez que a dieta “parou” de funcionar, a responsabilidade é de quem a propôs e não de quem tentou segui-la. O fato é que se dietas dessem certo não precisaria existir outra, mas o que a gente vê é justamente o contrário, uma verdadeira avalanche de dietas com percentuais de sucesso praticamente nulos.


🌻Agora você pode estar pensando: eu faço dietas a tanto tempo que se não seguir mais um plano alimentar não sei nem o que comer! E eu posso te dizer: fique tranquila porque é possível  reaprender a ouvir seu corpo! Talvez um bom primeiro passo seja parar por alguns instantes e se perguntar: Por quanto tempo vou conseguir seguir a dieta que estou fazendo hoje? E como ficará a minha alimentação depois disso?


🌻 Lembre-se que você precisará comer até seu último dia de vida!

2 visualizaçõesEscreva um comentário
  • Marcela Brum

Eis o cenário: o ser humano se matricula em uma academia com a promessa de “agora vai!”. Algumas semanas depois, a pessoa está sustentando o estabelecimento que já não frequenta mais, e tá "amarrado" por UM LONGO ANO, afinal de contas, a multa para cancelar é quase tão alta quanto manter o plano. Sem contar a esperança de que uma repentina vontade de voltar apareça é sempre a última que morre. Daí você decide continuar pagando até que finalmente o plano de 12 meses acabe, mesmo sem frequentar… Se identificou?


🌼 Quantas vezes isso já aconteceu com você? E quantas vezes já se taxou de fracassado por conta disso? Mas, alguma vez você parou para pensar que talvez o problema seja a escolha da atividade errada? Ou o ambiente errado? Ou o foco, normalmente na perda de peso, errado? Ou nas expectativas e metas muito altas? Alguma vez você praticou uma atividade física apenas pelo prazer de movimentar o corpo sem se preocupar com quantas calorias perdeu ou quanta massa magra construiu? Tirou um tempo para pensar o que REALMENTE gostaria de fazer? Dança? Arco e flecha? Tecido Acrobático? Pedalar no parque? Ballet? Yoga? Pilates?


🌼Alguma vez você refletiu que seu corpo gosta e precisa de movimento e que pensar em algo prazeroso seria uma ótima forma de dizer: muito obrigada por tudo corpo! E ainda de quebra melhorar sua saúde física e mental? Não?! Então pense! Se dê essa chance de se movimentar apenas pelo prazer e sinta a diferença!

6 visualizaçõesEscreva um comentário